sexta-feira, 24 de março de 2017

Donde vem esta paz.



Bombas fatais no Camboja
a Guerra incompreendida.
Mortos por todos os lados
com o coração em Sidarta
mergulha numa meditação.
Sorri para a morte.

Toninho
24/03/2017
Participação na BC_#umaimagemem140caracteres projeto de Silvana e da Mari de toda Sexta-feira. Participe.

Outra leitura suave da imagem

Quando tudo parece desabar,
sentir as forças se esvaírem,
encante-se com o por do Sol.
Se entregue numa meditação
e verá que a paz é possível.

Toninho
24/03/2017

Meu blog de poesia: mineirinho-passaredo



8 comentários:

  1. Boa noite, amigo Toninho!
    Neste moento, preferi a segunda leitura, obrigada por compartilhá-la... suave com convém na noite...
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir
  2. Forte, linda e intensa a primeira. E a segunda mais leve, também bela!
    Belos trabalhos! abração, lindo fds! chica

    ResponderExcluir
  3. Toninho... a Paz tão desejada por muitos e concretizada por tão poucos!
    Gostei ... Bj

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Toninho,
    Tão belas as duas versões sobre a interpretação da imagem.
    Parabéns, amigo, gostei imenso.
    Beijinhos e bom fim de semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  5. A paz é possível, acredito nisso.
    Abraço, bom final de semana.
    Sonia

    ResponderExcluir
  6. A paz é possível, acredito nisso.
    Abraço, bom final de semana.
    Sonia

    ResponderExcluir
  7. A paz é possível mora dentro de nós, no amor, na amizade, na natureza, se cada um olhar melhor com compaixão e ternura se estabeleceria

    ResponderExcluir
  8. Toninho:
    Sua 1ª interpretação foi intensa e forte.
    A 2ª teve leveza e delicadeza.
    Ambas merecem aplausos.
    Bjokas.:
    Sil

    ResponderExcluir


Grato pela leitura e comentário isto me incentiva.
Alguma dificuldade aqui favor deixar comentários.
Meu outro blog http://mineirinho-passaredo.blogspot.com.br/

Toninho.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...