segunda-feira, 5 de junho de 2017

Uma escada para lembrar.

Hoje dia de Botar a cabeça para funcionar com a imagem da Chica aqui: chicabrincadepoesia com certo atraso, mas presente pois adoro este tipo de exercício. Confira e participe com esta imagem abaixo.


No alto da serra havia uma linda capela, onde se celebrava uma missa no primeiro domingo de cada mês. Dona Helena não perdia uma, vestia-se de branco, ostentava uma fita azul com imagem de Nossa Senhora, ela pertencia à Congregação Filhas de Maria. O acesso era por uma escadaria feita de pedras pelos moradores do vilarejo. Lembranças que tem da infância, quando levava merenda com sua mãe para os voluntários da construção e amava ver o vilarejo lá de cima.

Anos depois para facilitar acesso, fora construída uma estrada com acesso a veículos justamente para atender aos deficientes físicos, mas a Helena apesar de sua idade já um pouco avançada, sempre pedia para lhe deixar no meio da serra onde iniciava o acesso antigo em escadaria, era como se revivesse sua infância de menina encantada com tudo que envolvia aquele processo de construção da escadaria.

Lembra que na juventude subia em correria pela escadaria e ali assistiu muitos fieis subirem de joelhos em pagamento de promessas e que ela não entendia todo o sacrifício. Hoje sempre faz este percurso uma vez junto de outros conservadores fieis. Pelo caminho entoam cantos religiosos, às vezes seguidos pelos pássaros das arvores que cobriam o caminho até à capela. Em certo trecho havia uma clareira das arvores podia-se ver o vilarejo cortado pelo rio.

Hoje ela debilitada não perde a missa dominical, mas está sempre na vestimenta branca alinhada. Quando passa pelo inicio da escadaria, pode-se ver lagrimas nos seus olhos, que caem sobre a fita de cetim azul, escorre até a imagem de Nossa Senhora. Ela pede tempo, olha para a escadaria, sorri e olha para o vilarejo e depois para o Céu. Olha para sua acompanhante e faz um pedido:

- Quando eu morrer, me vista assim diga que me levem pela escada celebrem uma missa de corpo presente na capela e depois desçam pela escadaria e me coloquem ao lado de meus pais para o sono profundo. A acompanhante balançou a cabeça de um lado para o outro. Acelerou o Jeep pela perigosa estrada de ribanceira. Viu o medo nos olhos dela, a resmungar e rezar no terço que escorregava na mão suada e trêmula.

Toninho
05/06/2017

Uma boa semana
para você.

Tem novidade no mineirinho

9 comentários:

  1. Bah! Emocionante e tão linda inspiração.
    Deu pra ver a D.Helena que tantas vezes ali passou e rezou, hoje só podendo para o alto da escadaria olhar e ...lembrar, com lágrimas nos olhos! LINDA! Obrigadão! levei o link! abração,chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Toninho. que lembranças tão boas da Dna Helena, além de emocionante relato que muito tocou meu coração, me fez lembrar de uma Tia, que assim como Dna Helena não perdia a missa todos os dias, fazia questão de me levar aos domingos. Linda participação. Menino és uma fábrica de inspiração.
    PS: volto mais tarde para participar do RX.
    Conheça o novo blog

    http://experimentalailabrito.blogspot.com.br/

    Bjs no core.

    ResponderExcluir
  3. Puxa, muita imaginação e inspiração! Bem bonita a sua participação, Toninho! As escadas e suas mil e uma "explicações"...

    Um abração e VAMOS ADIANTE...


    ResponderExcluir
  4. Emocionante inspiração, das coisas que guardamos na alma, os anseios, que em caminhos e paisagens vivem dentro d enós

    ResponderExcluir
  5. Bonito conto e real, pois muitas das situações vivenciadas na infância ficam limitadas ao longo da trajetória. Assim é o viver. Participando atrasadinha, rs,rs, bjs Bom inicio de semana.

    ResponderExcluir
  6. Olá, amigo Toninho!
    As lágrimas nos olhos da pobre mulher santificada sintetizam tudo o que o texto exprime com tanta beleza...
    Vc me inspirou a escrever alguns contos do tipo...
    Muito bom ter passado por aqui de novo!
    Deus é essencial em nossa vida... Ser filha de Maria é tudo de bom e quando ia receber a fita azul, voltei de Guarapai, quando lá morei.. e a vermelha do Apostolado da Oração também não cheguei a receber pela mudança... mas tanto o Sagrado Coração de Jesus comoo de Maria me protegem do mal maior...
    Bjm fraternal

    ResponderExcluir
  7. Boa noite Toninho,
    Grande inspiração!Fez uma história linda a partir da bela imagem da Chica.
    Um beijinho e continuação de boa semana.
    Ailime

    ResponderExcluir
  8. Boa semana para você também sempre com a fé que nos eleva ao Pai Celestial.

    Abraço!!

    ResponderExcluir
  9. Adorei essa emocionante inspiração! Quantas memórias no coração de Dona Helena! Memórias que enchem a vida de todos nós, sobretudo quem tem a chance, a sorte de viver muitos anos. Beijos no coração!

    ResponderExcluir


Grato pela leitura e comentário isto me incentiva.
Alguma dificuldade aqui favor deixar comentários.
Meu outro blog http://mineirinho-passaredo.blogspot.com.br/

Toninho.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...