sábado, 18 de novembro de 2017

Vamos brincar com a palavra da Chica Nº 43_Agradáveis.


Quão agradável é o mundo de nossos sonhos, quando olhamos para a natureza e dela captamos todos os movimentos. Uma canção que fala deste mundo assim penso. Então neste clima de coisas agradáveis vamos brincar com a Chica na sua BC de sábado aqui: sementesdiarias


Um mundo melhor com amigos sinceros agradáveis.

Dias agradáveis naquela praia com sol moderado.

Quão agradáveis são aqueles velhinhos da praça.


Quem quer momentos agradáveis, seja também agradável.



Palavras agradáveis podem surtir efeitos revolucionários.Pratique.

Propostas agradáveis nem sempre são confiáveis. Desconfie.







quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Seguranças do lago.


 Botando Cabeça para funcionar é uma BC da Chica e seu neto Neno numa brincadeira onde uma figura é dada para inspiração livre, que acontece todos os dias 5, 15 e 25. Confira e participe. Aqui: /chicabrincadepoesia


Vi no Lago Azul famosos seguranças,
um casal de patos azuis bem atentos,
com olhar ativo a todas as mudanças
no turno deles nunca teve ferimentos.

Os patinhos brigões sabiam controlar,
bastava um quá-quá para repreender,
já quem ia ao parque vivia a elogiar,
ai do patinho que ousasse desobedecer.

Despois de muito tempo volto ao lago,
mas estranhei os ausentes seguranças,
percebi um posto abandoando e vago,
vi os novos que só enchiam as panças.

Soube depois, que foram aposentados,
pois já tinham planos na previdência,
mas por medo dos atos dos deputados,
antecipam a saída por sobrevivência.

Como na vida de muitos profissionais,
que perdem a segurança nas empresas,
que se lançam nos mercados informais,
vitimas de planos com cruel incerteza.

Toninho.
15/11/2017

Sugestão de leitura, principalmente para quem tem crianças, mas é geral /nao-me-toca-seu-boboca de nossa amiga Paula Belmino.

***************************
*************
*****

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

O fazer e o não fazer.


O fazer e o não fazer está intimamente ligado ao poder de criar e dar vida ou ousar, a musica acima o Poder da Criação fala do ritual para compor uma musica ou poesia ou tudo junto. E hoje a BC-Raio X projeto da Silvana do blog meusdevaneiosescritos e da qual sou parceiro e hoje venho com proposta com esta ligação do fazer e o não fazer. No fim da postagem tem um in link caso faça postagem coloque nele seus dados.Ou deixe nos comentários um pouco de você para nos conhecermos mais.


Propostas:

    1-    Em sua vida há alguma coisa, que se arrependeu de não ter feito?

   2-    Qual foi a coisa mais difícil, que você já fez?

   3-    O que você faria diferente se soubesse que ninguém iria julgá-lo?



Respostas:


  1-    Em minha vida praticamente eu sempre fiz o que deveria ser feito, arrepender talvez não, mas reconheço que poderia ter feito um curso da área de humanas como Ciências sociais, Filosofia, Letras e etc. Desde muito novo sempre envolvido com ciências exatas.

   2-    A coisa mais difícil que já fiz, por exemplo, foi ser incumbido de não dar notícia da morte do irmão do meu primo. Explica-se, meu primo e irmão adotivo, veio conhecer Salvador e passar uma semana em minha casa. Quando eu me preparava para ir busca-lo na rodoviária, recebi a noticia da morte do irmão mais novo dele, que suicidara numa lagoa da Vale do Rio Doce em Itabira MG. Como não haveria tempo hábil para ele voltar, decidi por não dizer a ele e só falei para minha cunhada esposa dele e assim ele passou dias felizes por aqui vivendo a cidade e só lhe foi dito no dia de ir embora. 

   3-    O julgamento é coisa do ser humano e muitas vezes ele pode interferir muito na vida das pessoas. Coisas simples, mas que muitas vezes nos tolhem no prosseguir. Minha família era festiva e dançava bem, eu por outro lado ficava sempre esquivando, por não ser “pé de valsa” como eles e assim claro, perdi oportunidade de aprender mais com eles, pois considero a dança uma bela arte da leveza do corpo. Enfim aqui fica a questão de medo de errar para acertar, o que não é bom. Erremos mais para aprender mais independente do que os outros possam julgar.

Toninho
13/11/2017

***************************
Feliz semana 
para você.








sábado, 11 de novembro de 2017

Vamos brincar com a palavra da Chica Nº 42_Alfinete.



Quando um sentimento fica assim fora de si
Coração perde a cabeça e o juízo voa
O universo na cabeça do alfinete
Tudo brilha diferente no olho da pessoa. (Lenine) O universo na cabeça do alfinete.


Walter Hunt(1785-1859) inventou o alfinete de segurança quando torcia um arame. Pois bem hoje a  CHICA Nos convida para brincar com esta palavra, venha conhecer e brincar e assim aprender sobre ele. Aqui: sementesdiarias. Então vamos lá.

1- Silencio total  ela ouviu  cair um alfinete.

2- Liberdade virou prisão, borboleta espetada com alfinete, 
3- Cuidado com alfinete somos balões de emoções.

4- Linda joaninha no alfinete dourado da vovó.

5- Alfinete perto de criança um perigo constante.


6- Contra assedio alfinete foi antiga arma feminina.



7- Cuidado com ela, usa alfinete no vudu.

8- Chuva de alfinete, alvo bumbum de políticos.


  *******************************************
***************************
**************
Bom fim de semana
para você.






sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Os dois tigres.



Olho-te nos olhos e me vejo.
Há em mim um tigre dócil,
às vezes a fera indomável.
Traduzir um no outro é arte,
que pela vida vivo a aprender.

Toninho

10/11/2017

Minha participação na BC#umaimagemem140caracteres. Projeto de Mari e Silvana de toda Sexta-feira. Confira os participantes.

********************
Bom fim 
de semana.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

BC-Raio_X_52_ Viagem no se.




Constantemente convivemos com um "Se eu..." Então hoje vamos falar de alguns deles. Caso faça uma postagem favor inserir o link no in ilink no final da postagem, pode também deixar nos comentários para que possamos nos conhecer um pouco mais. Esta é a BC-Raio X da Silvana meusdevaneiosescritos na qual sou parceiro e hoje venho com as propostas pela impossibilidade dela postar. Vamos lá.


Propostas:


1- Se você pudesse acordar com uma nova habilidade, qual seria?

2- O que faz com um dia seja perfeito para você?

3- Se lhe fosse permitido criar uma lei, qual seria?


Respostas:

1- Ah, se pudesse com certeza seria a habilidade com instrumentos musicais como violão, saxofone, gaita, cavaquinho etc.




2- Para mim um dia perfeito é o aquele que consigo cumprir minhas programações, que tenha como alimentação um dos meus pratos preferidos e que o Sol esteja presente e possa caminhar pela orla marítima. Tudo isto com a saúde estável.



3- Minha lei seria: Todo governo deve fazer valer O direito da Criança de 20/11/1959 criados pela ONU .

Toninho
07/11/2017


***************************
Uma feliz semana
para você.

domingo, 5 de novembro de 2017

Nossa travessia.


Botando a cabeça para funcionar é um projeto da Chica e o seu neto Neno todos os dias 5, 15 e 15 de cada mês com uma imagem dada para participação livre, confira aqui chicabrincadepoesia e participe.


A vida vem em ondas como diz numa canção, mas que se elevam às vezes muito além de nossa imaginação, daí vem as desilusões e fracassos. Aqui diante deste mar revoltoso, vejo as aguas numa batalha com as pedras e um barco que luta para fugir destas. Ponho-me a imaginar como a natureza nos leva sempre às reflexões, ora pelas extasiantes belezas, ora pelos movimentos bruscos, que gira tudo e que nos amedronta. O mar é lindo, mas é misterioso. Nossa vida também é como este mar.

Quem vive do mar sabe bem dos seus perigos e mistérios. Por assim saber, respeita sua força medonha, que pode virar um pequeno barco, ou mesmo um moderno e gigante navio. Assim é nossa vida, enfrentamos ondas gigantes, às vezes lançados às pedras e areias, mas no vai e vem das águas, nosso barco pode voltar ao mar, mas só e somente só com fé e determinação.

Não se desespere com as ondas pequenas e aprenda a surfar sobre as gigantes. São detalhes, que lhe tornará um excelente navegante deste barco chamado vida, muitas vezes com velas rasgadas. Não seja o barquinho de papel na enxurrada a passar as piores emoções de uma vida sem rumo, até que uma força estranha lhe eleve sobre as águas, antes de adentrar na escuridão dos bueiros da solidão depressiva, do desencantamento geral.

Aprende-se a navegar sem leme, pois que viver é enfrentar águas revoltas até a calmaria, que nos faça flutuar com sonhos e fantasias nesta travessia muitas vezes difícil e conturbada, mas se perseverar até o porto, ancorar seu barco carregado de esperanças, ali reparará as avarias sofridas e tão logo as águas se acalmem e a luz do Farol se apaga, reiniciará sua viagem, agora mais longa à terra desconhecida. E não seria doce morrer no meio travessia.

Toninho
05/11/2017


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...